+55 43 3512-1000     faleconosco@capal.coop.br
  INICIAL A COOPERATIVA SEJA UM COOPERADO UNIDADES
 
INSTITUCIONAL
NOTÍCIAS
AGENDA
PUBLICAÇÕES
LINKS ÚTEIS
DOWNLOADS
   



08
Abr 22

Estreitando laços entre Cooperativa e cooperado - conheça a propriedade de Arnald Bronkhorst e família




O departamento de Pecuária Leite promoveu recentemente o curso MDA em gestão do Agronegócio. Este curso já vem mostrando resultados, que estão sendo aplicados nas propriedades, como é o caso da AJB Genética, do cooperado Arnald Bronkhorst, que atua com o pai Adriaan, o irmão Dalton e funcionários.

A gestão de uma propriedade leiteira, principalmente a gestão de pessoas, requer dinamismo; porém, também exige processos rigorosos, como o uso de ferramentas de planejamento e controle que envolvam toda a cadeia, também da porteira para fora.

“Começamos a entender os processos a partir de uma nova perspectiva. Para isso, estamos fazendo uso de várias ferramentas e aprendemos a abordar os problemas da cadeia de produção de uma maneira diferente. Compreender as atividades das pessoas de dentro e de fora da porteira também tem sido muito importante, como o caso das pessoas que estão na cooperativa, diretamente ligadas ao nosso complexo de atividades, desde o nascimento de uma bezerra até o leite no tanque”, conta Dalton.

Nas conversas entre produtor, administrativo e técnicos da Capal, surgiu a ideia de promover um exercício de ‘benchmarking interno’, trazendo para dentro da porteira um profissional exclusivamente administrativo para conhecer de perto toda a fazenda. “Nosso objetivo era apresentar o dia a dia, o que acontece em cada fase da vida do animal e como é feito cada processo. Dar a esta pessoa a oportunidade de vivenciar o caminho do leite até que ele esteja pronto para ser entregue”, ressalta o produtor.

A colaboradora Faine Oliveira de Sousa foi a primeira a participar desse movimento. Hoje ela é secretária do setor de Pecuária Leiteira e já comemora seus 10 anos de trabalho na Cooperativa. “Esta foi a minha primeira visita a uma propriedade de leite, apesar de estar muito próxima delas por meio de relatórios de fechamento, controle leiteiro, técnicos de campo e cadastro de animais. Pude conhecer todos os procedimentos e o produtor me explicou a importância da agilidade nos processos que resultam nos documentos e registros de animais, para que as informações estejam sempre atualizadas”, conta Faine.

A data da visita foi escolhida estrategicamente: dia da reunião semanal, uma das ferramentas de gestão implantadas com o curso. Faine acompanhou a pauta, que discorre sobre os acontecimentos da semana, planejamento de atividades, novos projetos e projetos finalizados.

“Através da interação com os colaboradores da fazenda, identificamos melhorias nas atividades administrativas que interagem com as da fazenda: que as informações devem ser legíveis e alguns processos devem fluir de modo mais prático. Todos os temas apontados foram extremamente relevantes para ambos os lados, seja para esclarecimento de dúvidas, críticas e sugestões”, reforçou a colaboradora. “Se fizermos mais vezes estas atividades poderemos enriquecer nossas reuniões de alinhamento dentro da cooperativa e proporcionar melhores serviços ao cooperado. Por eu estar fazendo 10 anos de Capal, me senti lisonjeada em poder visitar um produtor, eu nunca havia entrado numa fazenda de leite”, complementa.

Arnald também comentou o aproveitamento: “conseguimos atingir os objetivos propostos com este exercício, pois de imediato a Faine já conseguiu analisar vários motivos nas falhas de registro dos animais, está criando um método para atualizar o rebanho de uma maneira mais prática para o produtor e deu dicas práticas de secretariado”.

Algum tempo depois a ação teve continuidade com a visita de uma representante do setor de Comunicação e Marketing da Capal. A colaboradora Alessandra Heuer também teve oportunidade de conhecer todo o processo da fazenda e participar da reunião semanal. Nesse dia especialmente houve um treinamento com a equipe, usando como tema uma locomotiva. “Dentro do curso de MDA aprendemos que devemos treinar nossa equipe constantemente, mesmo que sejam assuntos já tratados, pois alguns funcionários mudam e todos precisam estar alinhados. No treinamento deste dia falamos sobre a nossa cultura empresarial, mostrando como funcionamos igual a uma locomotiva, cada um com sua função, porém, precisando trabalhar sempre no mesmo ritmo”, explica Arnald.

Alessandra conta que as reuniões de gestão são um diferencial nesta fazenda, alinhando as atividades e fazendo a comunicação olho no olho, como deve ser em qualquer empresa. “Esta prática dos nossos cooperados é essencial para uma boa comunicação entre empregados e líderes, e também entre os membros da equipe. Mesmo em um ambiente de fazenda, com uma grande área e atividades distintas, eles conseguem reunir a equipe e manter um clima organizacional saudável e equilibrado. Também pude colaborar com algumas dicas de comunicação”, relata.

Os produtores pretendem continuar com essa prática, que certamente trará ótimos frutos para ambos. Assim, percebemos que a interação entre as partes pode ultrapassar o formato tradicional, oportunizando aprendizado e melhorando o relacionamento.

(Comunicação Capal)

 


Hiroshi Yamashita: cooperando se vai mais longe

Antonio Rosolen: confiança no cooperativismo que gera desenvolvimento

Vitorio Aguera: aplicação de conhecimento técnico aumentou produtividade

Estreitando laços entre Cooperativa e cooperado - conheça a propriedade de Arnald Bronkhorst e família

De pensar em desistir, até ser referência em produtividade no café

Gestão eficiente e leite de qualidade: o exemplo da família do cooperado Marinus Teunis Hagen Filho

Aprimorar estrutura e qualidade de produção é meta constante na propriedade Reunidas Barbosas

Vaca holandesa de cooperado recebe pontuação máxima e inédita no Brasil

Cooperados Capal conquistam padrão Ouro em auditoria da Unium

Cooperados Capal recebem prêmio por alta produtividade de milho

Osmil e Murilo Sala são adeptos do Programa de Precisão na Agricultura da Capal, que proporciona ferramentas para melhor aproveitamento do solo

Cafés especiais: um horizonte lucrativo – Conheça o cooperado Luiz Saldanha

Nutrição adequada resulta em aumento de renda e prosperidade

Maria Elza Ishizuka – Crescimento econômico e social

Renato Zambianco Nastaro – Salto de qualidade na agricultura

Cassemiro Turkiwcz – Uma história de cooperação

Conforto animal e boa alimentação garantem ótima produtividade

Amor pelos animais: uma tradição que vem de família

Exemplo de dedicação e respeito pelo trabalho no campo

Umberto Dalcin – Além de ser um cooperado 100%, ajuda a divulgar a Cooperativa através da sua propriedade

Em Itararé, o cooperado Murilo Ruivo de Mello é exemplo de dedicação ao trabalho no campo

Dedicação no preparo de animais para exposições

Cooperado de Carlópolis aposta em nutrição animal para obter mais retorno na produção de leite

Alianças que fortalecem o cooperativismo

Um exemplo de dedicação e de fé no trabalho no campo

Café - Trazendo alegria e renda ao produtor de Carlópolis (PR)

Trabalho dedicado e diversificação na propriedade garantem os resultados

Histórias que fazem parte da história da Capal

É possível explorar o potencial da propriedade sem esgotar a terra

Apostar na diversificação é garantia de mais estabilidade no campo

Dedicação ao trabalho no campo e organização são destaque na propriedade de Marcos Bulka, em Sengés-PR





+55 43 3512-1000
faleconosco@capal.coop.br
A COOPERATIVA
- História
- Visão
- Administração

SEJA UM COOPERADO
- Vantagens
- Como ser um cooperado
- Formulário

UNIDADES
PRODUTOS E SERVIÇOS
Rações
- gado de leite
- gado de corte
- outros animais
Sementes
- soja
- trigo
Recepção e Secagem
Loja de Produtos
Postos de Combustível
INSTITUCIONAL
- Trabalhe conosco
- Fale conosco
- Vídeo institucional
- Galeria de imagens

NOTÍCIAS

AGENDA

PUBLICAÇÕES
- Editoriais
- Relatórios
Capal Cooperativa Agroindustrial - 2014 | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Marketing Mix
Rua Saladino de Castro, 1375. Arapoti - Paraná - Brasil - Fone: (43) 3512-1000. Fax: (43) 3557-1633